Portal 135

MRNM/Unimontes, proposta de criar a Associação de Amigos do Museu

23/11/2018

O Museu Regional do Norte de Minas (MRNM), administrado pela Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), poderá receber o apoio da comunidade em suas ações voltadas para conservação e proteção do acervo histórico e da cultura. Neste sentido, está sendo articulada a criação da Associação dos Amigos do Museu Regional do Norte de Minas.

A fundação da entidade será discutida em reunião marcada para 14 de dezembro, às 16 horas, na sede do Museu Regional: antigo Casarão da Fafil, na Rua Coronel Celestino, 75, no Centro Histórico de Montes Claros. A reunião será aberta a professores, pesquisadores, historiadores e outras pessoas da comunidade.

A diretora do MRNM, professora Marina Ribeiro Queiroz, afirma que a proposta de criar a associação tem como objetivo fortalecer as políticas de proteção e conservação dos bens históricos e culturais da região, principalmente diante da possibilidade de envolver diretamente a comunidade. “O objetivo é reunir pessoas sensíveis à cultura e à história e interessadas em contribuir voluntariamente com o Museu Regional, que é um patrimônio de toda região”, afirma.

Ela lembra que a entidade estará apta para receber doações. Assim, poderá romper barreiras burocráticas e captar recursos voltados para a conservação do acervo, eventos, exposições e outras ações do Museu Regional. Por meio da Associação dos Amigos do Museu também poderá ser viabilizada a ampliação do acervo no espaço cultural administrado pela Unimontes.

O QUE É O MUSEU REGIONAL

O Museu Regional do Norte de Minas –MRNM tem como prioridade desenvolver atividades voltadas para a pesquisa, a identificação, a conservação e a divulgação de registros da cultura material e imaterial do Norte de Minas. Inaugurado em 30 de setembro de 2014, o local funciona no casarão da antiga Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (Fafil), prédio histórico que foi totalmente restaurado pelo Governo do Estado, com o apoio da comunidade e recursos de empresas viabilizados por intermédio da Lei Federal de Incentivo à Cultura – Lei Rouanet.

A unidade oferece ao público a oportunidade de conhecer o conhecimento da região norte-mineira, por meio de quatro eixos temáticos distribuídos em: “Meio Ambiente”, “Ocupação do Território”, “Evolução Urbana de Montes Claros” e “Saberes, Fazeres e Celebrações”. Recentemente, foram incorporadas ao MRNM duas novas áreas: a Sala dos “Ofícios” e a Exposição “Sacro Santo”.

O Museu Regional é aberto para visitação pública de terça à sexta-feira, das 8 às 12 horas e das 13 às 18 horas; aos sábados, das 8 às 12 horas; e aos domingos de 9 às 13 horas. A entrada é gratuita.