Portal 135

Diretoria da AMAMS pela primeira vez uma mulher Vice-Presidente

12/06/2018

 

A Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene (AMAMS) realizou na manhã desta segunda (11/06) uma reunião do conselho consultivo para o preenchimento de cargos vagos da diretoria executiva da entidade. Os cargos vagos foram preenchidos pela prefeita de Bocaiuva, Marisa de Souza Alves, como a 1ª Vice-Presidente e o prefeito de Padre Carvalho, Nilson Bispo de Sá, como 2º Vice-Presidente. Os cargos preenchidos foram deixados por Anderson Braga, prefeito de Buritizeiro, que faleceu em novembro do ano passado e de Marcelo Felix, prefeito de Januária, que tomou posse como presidente, depois da renúncia do então prefeito de Bonito de Minas, José Reis Nogueira Barros. Marisa Alves passa a ser a primeira mulher a assumir o cargo de 1º Vice-Presidente da entidade.
 
Na reunião, o presidente Marcelo Felix sugeriu que alguma mulher assumisse algum cargo na Diretoria Executiva da AMAMS, onde Marisa Souza se prontificou e comunicou o interesse de ocupar o cargo, sendo sua escolha feita por aclamação do Conselho. Na sequência, o prefeito Nilton Bispo de Sá também manifestou interesse de participar da diretoria e colocou o seu nome para apreciação como 2º vice-presidente e também foi aclamado. Na mesma reunião o presidente aproveitou a oportunidade para anunciar o projeto AMAMS Regional, que tem o objetivo de se realizar reuniões técnico administrativas e a exposição da situação enfrentada pelos municípios à toda população. As reuniões acontecerão em cidades pólos e começará por Bocaiuva, cuja reunião ficou marcada para 25 de junho.

Outra discussão importante, foi a de abrir as portas da AMAMS para todos candidatos a Presidente da República, Governador, Senador, Deputado Federal e Deputado Estadual, independente da sigla partidária e ideologia. Quanto aos governadores, ficou definido que seriam enviados convites para uma reunião dos candidatos com os prefeitos e interessados de toda região, oportunidade em que poderão apresentar seus projetos de governo e propostas. O presidente Marcelo Felix salienta que a AMAMS é u casa política do Norte de Minas e é formada por prefeitos de diversas siglas partidárias e por isso, tem de ser aberta a todos.