Portal 135

Carlos Pimenta participa de reunião da Sudene.

12/11/2018

 

Deputado Carlos Pimenta participou em Montes Claros do Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste, que será utilizado na elaboração do Plano Diretor Municipal, a ser executado com recursos do governo federal através do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).  Além do parlamentar, eleito para o sétimo mandato como deputado estadual, participaram do evento o diretor de Planejamento e Articulação Política da Sudene, Antônio Silva Magalhães Ribeiro e do coordenador geral de Planejamento e Articulação Política, Paulo Guedes.

O Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste terá força de lei e deverá ser submetido ao Congresso Nacional. Será revisado anualmente e tramitará acompanhado do Plano Plurianual – PPA. Com isso, a Sudene pretende mobilizar e articular os atores nacionais e regionais que possam contribuir com a elaboração do PRDNE, definindo uma agenda comum. O plano será nas áreas de Ciência, Tecnologia e Inovação; Segurança Hídrica e Saneamento; Agropecuária e Agroindústria; Educação e Organização do Espaço Regional. 

As áreas definidas são as agendas e eixos temáticos estabelecidos pela Sudene durante as articulações pelo PRDNE. Durante cinco meses, os pesquisadores elaborarão estudos, que além de subsidiar a construção do plano, serão utilizados para balizar o PPA. A fase seguinte será contratar uma nova pessoa jurídica para compilar os dados. Serão realizados seminários em todos os Estados da área de atuação da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste.

Deputado Carlos Pimenta participou em Montes Claros do Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste, que será utilizado na elaboração do Plano Diretor Municipal, a ser executado com recursos do governo federal através do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).  Além do parlamentar, eleito para o sétimo mandato como deputado estadual, participaram do evento o diretor de Planejamento e Articulação Política da Sudene, Antônio Silva Magalhães Ribeiro e do coordenador geral de Planejamento e Articulação Política, Paulo Guedes.

 

O Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste terá força de lei e deverá ser submetido ao Congresso Nacional. Será revisado anualmente e tramitará acompanhado do Plano Plurianual – PPA. Com isso, a Sudene pretende mobilizar e articular os atores nacionais e regionais que possam contribuir com a elaboração do PRDNE, definindo uma agenda comum. O plano será nas áreas de Ciência, Tecnologia e Inovação; Segurança Hídrica e Saneamento; Agropecuária e Agroindústria; Educação e Organização do Espaço Regional. 

As áreas definidas são as agendas e eixos temáticos estabelecidos pela Sudene durante as articulações pelo PRDNE. Durante cinco meses, os pesquisadores elaborarão estudos, que além de subsidiar a construção do plano, serão utilizados para balizar o PPA. A fase seguinte será contratar uma nova pessoa jurídica para compilar os dados. Serão realizados seminários em todos os Estados da área de atuação da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste.